Você é uma daquelas pessoas que lê a tabela nutricional e os rótulos das embalagens no mercado?

Se não é, deveria ser. Dedicar algum tempo à leitura destas informações é de extrema importância, e irá definir a qualidade final do produto escolhido.

Existem vários segredos escondidos nos rótulos dos produtos. A ANVISA (Agência de Vigilância Sanitária) determina uma série de regras para os rótulos e, sendo assim, vamos falar um pouco delas neste artigo. 

A Tabela Nutricional

Primeiramente, a Tabela Nutricional tem como função passar ao consumidor a composição dos alimentos que eles estão adquirindo. Essa é uma das regras determinadas pela ANVISA mas, além disso, os rótulos também devem conter a quantidade de nutrientes que o alimento fornece, bem como o quanto isso representa da sua Ingestão Diária Recomendada (IDR).

Geralmente encontrada na parte traseira dos rótulos, a tabela nutricional costuma apresentar letras pequenas. Isso é uma estratégia das marcas para diminuir sua importância, mas não deveria ser assim. É nela que estarão as principais informações sobre o alimento. Ou seja, as informações que irão definir se o alimento é realmente saudável ou não. 

Ingredientes

Pães integrais são mais saudáveis do que os pães tradicionais, feitos com farinha branca. Assim, quando vamos escolher um destes produtos, procuramos no rótulo as informações necessárias, né? É exatamente aí que os jogos começam!

Algumas marcas montam os rótulos de forma a nos enganar com “Pegadinhas”. Elas dizem na parte frontal do rótulo que o pão é feito com grãos integrais, ou com farinha integral. Você, então, compra achando que fez uma ótima escolha. Mas é na lista de ingredientes que você, finalmente, descobre que foi enganado: a farinha integral está em menor quantidade que a farinha refinada. 

Existe um conhecimento essencial para a leitura da lista de ingredientes: a listagem é feita de forma decrescente. Ou seja, o ingrediente com maior quantidade será o primeiro nome da lista. Sendo assim, o último ingrediente da lista é o que possui menor quantidade.

Vamos analisar este outro exemplo abaixo utilizando uma imagem para facilitar. O produto em questão é o Ômega-3 TG Premium da Makai Nutrition.

Na imagem, o “Óleo de Peixe” vem em primeiro lugar na lista. Ou seja, ele é o composto encontrado em maior quantidade no produto. Já a Vitamina E, em última posição na lista, é o composto com menor quantidade.

OBS: Neste exemplo temos a separação dos ingredientes presentes na cápsula do ômega-3. Por isso vemos duas listas de ingredientes na imagem.

A estrutura da tabela nutricional

Primordialmente a tabela nutricional se divide em 3 partes. Essa também é uma regra definida pela ANVISA e vamos falar um pouco dela.

tabela nutricional em detalhes

Como mostrado na figura acima, as partes importantes da tabela nutricional são:

  1. Porção: é a quantidade do alimento que você irá ingerir por um determinado período (Geralmente, um dia);
  1. Nutrientes: são os compostos que formam o seu alimento. Por exemplo: vitaminas, minerais, sódio, gorduras etc.
  1. Valor diário (VD): essa parte mostra a sugestão de consumo para cada composto da lista. Esses valores são montados a partir de dados da Organização Mundial da Saúde e outros órgãos e, assim, definem qual a IDR para um adulto saudável.

Outras informações que precisam estar presentes na tabela nutricional

Além dos itens que já descrevemos, existem outros de caráter obrigatório que devem aparecer no rótulo de qualquer produto. Vamos ver na listagem abaixo:

  • Frequência diária recomendada de consumo do produto;
  • Advertências que variam de acordo com a formulação do produto, ou suas formas administração;
  • Restrições de uso, para quando produto for prejudicial a algum grupo específico da população;
  • Lista completa de ingredientes e todos os compostos usados na formulação;
  • Exibir próximo à tabela nutricional os ingredientes com potencial alergênico, como a lactose, por exemplo.

Nutrientes que não possuem IDR definido

Componentes sem valores de recomendação para consumo são muito comuns. . Sendo assim, não temos como saber se estamos consumindo a quantidade correta do nutriente. Isso acontece quando o composto em questão é, de alguma forma, prejudicial à nossa saúde. Então, o consumo dele não é recomendado em nenhuma quantidade.

Informações extras e novas regras de rotulagem

Recentemente, a ANVISA aprovou a implantação de novas regras a respeito das informações contidas nos rótulos. 

Resumidamente, alimentos embalados trarão, na parte frontal de seus rótulos, símbolos informativos sobre a presença de altas dosagens de algum nutriente que possa fazer mal para a saúde dos consumidores, caso seja ingerido em grandes quantidades. A intenção é gerar um “alerta” ao consumidor durante a compra, além de tornar a composição do alimento mais esclarecedora.

Veja abaixo o parecer da própria ANVISA sobre as mudanças.

“A Anvisa espera que a nova rotulagem nutricional dos alimentos facilite a leitura e compreensão das informações que constam nos rótulos, com isso, os consumidores poderão fazer suas escolhas de forma consciente, sabendo as características e os valores nutricionais dos alimentos que estão consumindo”.

Os símbolos serão usados, principalmente, em alimentos com alto teor de gorduras saturadas, açúcares adicionados e sódio, por exemplo.

Continue visitando o nosso blog para mais dicas como essa. Você será sempre muito bem vindo!

E, se quiser saber mais sobre o Ômega-3 da Makai, visite nosso artigo. Clique aqui!

As informações fornecidas neste site destinam-se ao conhecimento geral e, portanto, não devem substituir orientações de profissional médico ou tratamento de condições médicas específicas. Sendo assim, procure sempre o aconselhamento do seu médico ou nutricionista com qualquer dúvida que possa ter a respeito de sua condição médica. As informações contidas aqui não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença. Nunca desconsidere o conselho médico ou demore na procura de ajuda por causa de algo que tenha lido em nosso site e mídias sociais da MAKAI®.

(Visited 74 times, 1 visits today)